Archive Pages Design$type=blogging

Os números desastrosos de Dilma na economia. 10 milhões de desocupados. Vai faltar policiais em 2016.

As consequências negativas da gestão de Dilma para a economia em 201 6 irão afetar milhões de famílias,  O agravamento da crise começa a...


As consequências negativas da gestão de Dilma para a economia em 2016 irão afetar milhões de famílias, O agravamento da crise começa a ampliar os danos para um número cada dia maior de pessoas e empresas. A expectativa geral no país é a de que apenas uma mudança radical no governo será capaz de conter o avanço da crise.

Os pedidos de falência cresceram 22,7% apenas até a metade do ano e a tendência de aumento persiste pra o próximo ano. Na comparação com o mesmo período do ano passado, segundo pesquisa da Serasa Experian. Dos pedidos de falência feitos este ano, 51,4% foram de micro e pequenas empresas, 22,2% de companhias de médio porte e 26,4% de grandes empresas.

De acordo com os economistas da Serasa, a solvência das organizações tem sido impactada negativamente com os aumentos nas despesas financeiras, geradas, principalmente, pelas elevações das taxas de juros. Além disso, com a recente alta do câmbio, muitas empresas com dívida em dólar estão enfrentando dificuldades. "O atual quadro recessivo da atividade econômica dificulta também a geração de caixa das empresas, agravando sua situação financeira", dizem os analistas.

O número de falências decretadas subiu 33,3% na comparação do mesmo período do ano passado. No acumulado do ano, a alta é de 24,6%.

Recuperação judicial

Em relação aos pedidos de recuperação judicial houve alta mensal de 28,6%, um triste recorde. Na comparação com o mesmo período do ano passado, o crescimento foi de 117,7%. No acumulado do ano, houve elevação de 21,5%, o maior nível desde 2006.

No cômputo das recuperações judiciais deferidas, as altas batem recordes sucessivos. Em relação ao ano passado, a elevação foi de 86,7%. No acumulado do ano, as recuperações deferidas somam aumento de 34,5% em relação aos sete primeiros meses de 2014.

Desindustrialização

A redução da participação da indústria de transformação no PIB também é assustadora e a maior em três décadas, com queda recorde de 33% para apenas 16%  Outro dado que revela esse processo inequívoco de desindustrialização é a relação de manufaturados nas exportações totais, que chegou a atingir 59%, mas atualmente está na casa dos 40%.

A Confederação Nacional da Indústria (CNI), em conjunto com as federações estaduais e associações setoriais da indústria, divulgaram carta aberta propondo diálogo com a sociedade para a construção de uma agenda comum voltada ao fortalecimento da economia e modernização política e institucional do Brasil. "Não podemos assistir passivos à deterioração do País. O atual ambiente precisa ser transformado", alerta a carta

Operando no vermelho.

Após registrarem quedas sucessivas no faturamento, cerca de 42% das empresas no país apontam para o risco de operarem no vermelho no início do próximo ano. Para evitar o risco de falência ou pedidos de recuperação judicial, várias empresas estão reduzindo o quadro de funcionários e fechando filiais pouco rentáveis por todo o país. Estados e municípios também enfrentam sérias dificuldades.

Além dos cortes de pessoal promovidos por governos estaduais e prefeituras em todo o país,  outros gigantes na geração de empregos vão pelo mesmo caminho, como a Volvo, Mercedes, GM, Volkswagen, TAM, Bradesco, Brastemp, Catepillar, Natura e até mesmo hospitais e escolas.

Demissões em 2015

Ao somar as estimativas de várias entidades ligadas ao comércio, indústria e prestadores de serviços, o número de demissões confirmadas este ano já supera a triste marca de 2 milhões de trabalhadores. O impacto destas demissões na economia pode alavancar o corte de outros 2 milhões de postos de trabalho até a metade do próximo ano. 

O número de desocupados no país é o que mais preocupa os investidores: são quase 10 milhões de pessoas desorientadas, sem ter o que fazer. Aumenta a percepção da população de que todo o sofrimento está diretamente relacionado com a corrupção do PT e o enriquecimento de seus integrantes. Vai faltar emprego e policiais. Além da queda na atividade econômica, há previsões assustadoras da escalada na violência e na criminalidade para 2016. 


@muylaerte
____________________________________________

COMMENTS

Nome

amigo de lula Artigos Boneco do Lula Brasil Brasil Corrupção Brasil. Corrupção Bumlai censura Collor Corrpuçãp corrupção Delcídio do Amaral Dilma Facebook Filho de Lula Fora Sarney Fraude na Mega Sena Giro Notícias Havaianas FRIBOI impeachment Joaquim Levy Jogo do Pixuleco Lula Lula milionário Lulazilla Mais Lidas Marcelo Odebreacht Marcelo Odebrecht Marina Marina Silva Mark Zuckerberg Mega Sena Michel Temer milionário Mundo Nora de Lula Papa Francisco PMDB Política PT Rede Sustentabilidade Sergio Moro Sérgio Moro Vatileaks Whatsapp
false
ltr
item
SINTESE NEWS: Os números desastrosos de Dilma na economia. 10 milhões de desocupados. Vai faltar policiais em 2016.
Os números desastrosos de Dilma na economia. 10 milhões de desocupados. Vai faltar policiais em 2016.
http://3.bp.blogspot.com/--uoKDQDAMWc/VldQALIWUoI/AAAAAAAAF0U/_7dvJuXPFBI/s640/Os%2Bn%25C3%25BAmeros%2Bdesastrosos%2Bde%2BDilma%2Bna%2Beconomia%252C.10%2Bmilh%25C3%25B5es%2Bde%2Bdesorientados.%2BVai%2Bfaltar%2Bpolicia%2Bem%2B2016..jpg
http://3.bp.blogspot.com/--uoKDQDAMWc/VldQALIWUoI/AAAAAAAAF0U/_7dvJuXPFBI/s72-c/Os%2Bn%25C3%25BAmeros%2Bdesastrosos%2Bde%2BDilma%2Bna%2Beconomia%252C.10%2Bmilh%25C3%25B5es%2Bde%2Bdesorientados.%2BVai%2Bfaltar%2Bpolicia%2Bem%2B2016..jpg
SINTESE NEWS
http://sintesenews.blogspot.com/2015/11/os-numeros-desastrosos-de-dilma-na.html
http://sintesenews.blogspot.com/
http://sintesenews.blogspot.com/
http://sintesenews.blogspot.com/2015/11/os-numeros-desastrosos-de-dilma-na.html
true
6712399305739774324
UTF-8
Nada encontrado VER TODOS Leia mais Responder Cancelar Deletar By Home PÁGINAS POSTS Ver tudo ARTIGOS RECOMENDADOS MARCADOR ARQUIVO PESUISE Not found any post match with your request Voltar ao início Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Sun Mon Tue Wed Thu Fri Sat January February March April May June July August September October November December Jan Feb Mar Apr May Jun Jul Aug Sep Oct Nov Dec just now 1 minute ago $$1$$ minutes ago 1 hour ago $$1$$ hours ago Yesterday $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago more than 5 weeks ago