Archive Pages Design$type=blogging

Com sigilo reclamado por Lula, o povo jamais saberia do maior assalto na história do Brasil, segundo Sérgio Moro

O povo é a principal arma de Sérgio Moro. Entenda melhor este fato. Uma das maiores queixas do governo, de pessoas investigadas, ...


O povo é a principal arma de Sérgio Moro. Entenda melhor este fato.


Uma das maiores queixas do governo, de pessoas investigadas, integrantes do PT e até mesmo de setores da imprensa tem sido a publicidade que os promotores tem dado à Operação Lava Jato. As queixas surgem de todos os lugares e até mesmo de onde menos se espera.

Obviamente, os investigados também não se sentem à vontade com seus nomes estampados nas manchetes dos principais jornais do país. Afinal, são pessoas poderosas e influentes que aparecem à todo instante sendo presas. Não estão acostumadas ao mesmo tratamento dispensado à bandidinhos, traficantes ou batedores de carteira. Sempre se sentiram acima da lei e do povo.

Entretanto, os que demonstram maior receio com a publicidade sobre o caso são os políticos. O coro dos descontes é formado sobretudo por pessoas ligadas ao PT, como  a presidente Dilma Rousseff, o ex-presidente Lula e políticos ligados ao roubo na Petrobras.

Não acredite no que eles dizem.


Normalmente, os insatisfeitos com o andamento das investigações recorrem  à expressão "vazamentos seletivos" ao se referirem à divulgação dos fatos trazidos à tona pela operação. Referem-se à cobertura da imprensa sobre as prisões e pronunciamentos da Força Tarefa como "espetáculo midiático".

Em primeiro lugar, o termo "vazamento seletivo" é capcioso, uma vez que seu emprego tem o claro propósito de insinuar que existam outros investigados ocultos ou acobertados pela Força Tarefa liderada pelo juiz federal Sérgio Moro. Não tem. Todos os fatos ficam disponíveis para qualquer cidadão nos sites da justiça. A imprensa simplesmente vai lá e os publica. Não há "vazamento seletivo".

Em segundo lugar, não existe a menor possibilidade de que ocorram "vazamentos seletivos" numa investigação onde absolutamente todos os fatos são divulgados com extrema "transparência". Outras investigações protegidas por segredo de justiça, à pedido dos investigados, permanecem em segredo.

E em terceiro e último, o termo correto é "PUBLICIDADE" e não "vazamentos seletivo" ou "espetáculo midiático", conforme Lula e a cúpula comprometida do PT tentam classificar.

As pessoas que usam a expressão "vazamento seletivo" sabem de tudo isso. Se mesmo assim, insistem em confundir o povo, é por que temem algo e podem ser direta ou indiretamente atingidos pelos escândalos. Ninguém saberia, por exemplo, que Lula movimentou R$ 52 milhões em sua conta.

Amparado pela lei.

O Juiz Sérgio Moro se ampara na Lei de Improbidade Administrativa Nº 8.429, DE 2 DE JUNHO DE 1992, que obriga a administração pública direta, indireta de qualquer dos poderes da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios obedecer aos princípios da legalidade, impessoalidade, eficiência, moralidade, PUBLICIDADE e todos os demais deveres previstos na Constituição.

A Constituição exige publicidade em crimes contra a administração pública. Quando não é mais exigido o sigilo, o conteúdo das investigações deve ser tornado público. Deve ser dada visibilidade à todo o processo por meio de ampla PUBLICIDADE ou se preferir, de um "espetáculo midiático".

O sigilo é o sonho de consumo daqueles que temem os fatos revelados na Operação Lava Jato. 

Eles possuem bilhões para gastar, comprar e corromper. Somente protegidos sob o manto do sigilo, os políticos, empresários e advogados de defesa poderiam lançar mão de recursos disponíveis para desacreditar o juiz Sérgio Moro. Com os fatos sendo mantidos em sigilo pela justiça, os políticos poderiam usar as tribunas do congresso para desfilar bravatas e insinuações.

Os empresários poderiam usar a imprensa e os meios de comunicação para se defenderem perante a opinião pública. A presidente poderia fazer pronunciamentos em cadeia nacional defendendo os suspeitos. Os partidos poderiam usar horários na TV para atacar a idoneidade dos promotores com o intuito de inverter os papéis, onde os promotores se tornariam os vilões e os doleiros, laranjas, diretores da Petrobras e políticos se tornariam as vítimas.

Sob a sombra do sigilo, seria possível promover verdadeiras campanhas de marketing para salvar o pescoço dos corruptos. Com sigilo, o povo brasileiro jamais tomaria conhecimento sobre os autores e a dimensão da maior roubalheira da história do país.

O povo é a principal arma de Sérgio Moro.

Sabiamente, Juiz Sérgio Moro se ampara e na Constituição para oferecer ao povo a "PUBLICIDADE" mais ampla possível sobre todo o processo de investigação que lidera. Esta inciativa tem por objetivo garantir que haja maior "TRANSPARÊNCIA" sobre tudo que acontece no âmbito da Operação Lava Jato, além de impedir que o povo seja mais uma vez ludibriado pelos bandidos que roubam o país há décadas. Seria mais fácil para o juiz atender aos interesses dos poderosos, mas ele optou por se aliar ao lado do povo e trazer à tona todos os fatos, munindo a população de informações preciosas sobre os criminosos..

Quanto mais "PUBLICIDADE" e maior "TRANSPARÊNCIA" for dada à investigação, maiores serão as chances do Brasil se ver livre da pior geração de corruptos de todos os tempos. O poder está na informação. Um povo informado e consciente é um povo poderoso.

O juiz Sérgio Moro e todos os demais integrantes da Força Tarefa que integram a Operação Lava Jato estão lutando para garantir ao povo o acesso pleno à todas as informações passíveis de "PUBLICIDADE". Cabe á cada um fazer a sua parte e procurar se manter informado o máximo possível para garantir que a justiça seja feita e impedir que o povo seja novamente manipulado.

Este texto pode ser reproduzido, copiado e divulgado livremente. É importante que cada vez mais pessoas sejam informadas sobre os propósitos daqueles que tentam esconder a verdade do povo. Divulgue, compartilhe nas redes sociais e ajude a libertar o Brasil dos corruptos!

@muylaerte
____________________________________________

COMMENTS

Nome

amigo de lula Artigos Boneco do Lula Brasil Brasil Corrupção Brasil. Corrupção Bumlai censura Collor Corrpuçãp corrupção Delcídio do Amaral Dilma Facebook Filho de Lula Fora Sarney Fraude na Mega Sena Giro Notícias Havaianas FRIBOI impeachment Joaquim Levy Jogo do Pixuleco Lula Lula milionário Lulazilla Mais Lidas Marcelo Odebreacht Marcelo Odebrecht Marina Marina Silva Mark Zuckerberg Mega Sena Michel Temer milionário Mundo Nora de Lula Papa Francisco PMDB Política PT Rede Sustentabilidade Sergio Moro Sérgio Moro Vatileaks Whatsapp
false
ltr
item
SINTESE NEWS: Com sigilo reclamado por Lula, o povo jamais saberia do maior assalto na história do Brasil, segundo Sérgio Moro
Com sigilo reclamado por Lula, o povo jamais saberia do maior assalto na história do Brasil, segundo Sérgio Moro
http://3.bp.blogspot.com/-xtMjMVrZQ-M/VlJ72anrxlI/AAAAAAAAFtE/gcSb4MKABP8/s640/Com%2Bsigilo%2Breclamado%2Bpor%2BLula%252C%2Bo%2Bpovo%2Bjamais%2Bsaberia%2Bnada%2Bdo%2Bmaior%2Bassalto%2Bna%2Bhist%25C3%25B3ria%2Bdo%2BBrasil%252C%2Bsegundo%2BS%25C3%25A9rgio%2BMoro.jpg
http://3.bp.blogspot.com/-xtMjMVrZQ-M/VlJ72anrxlI/AAAAAAAAFtE/gcSb4MKABP8/s72-c/Com%2Bsigilo%2Breclamado%2Bpor%2BLula%252C%2Bo%2Bpovo%2Bjamais%2Bsaberia%2Bnada%2Bdo%2Bmaior%2Bassalto%2Bna%2Bhist%25C3%25B3ria%2Bdo%2BBrasil%252C%2Bsegundo%2BS%25C3%25A9rgio%2BMoro.jpg
SINTESE NEWS
http://sintesenews.blogspot.com/2015/11/com-sigilo-reclamado-por-lula-o-povo.html
http://sintesenews.blogspot.com/
http://sintesenews.blogspot.com/
http://sintesenews.blogspot.com/2015/11/com-sigilo-reclamado-por-lula-o-povo.html
true
6712399305739774324
UTF-8
Nada encontrado VER TODOS Leia mais Responder Cancelar Deletar By Home PÁGINAS POSTS Ver tudo ARTIGOS RECOMENDADOS MARCADOR ARQUIVO PESUISE Not found any post match with your request Voltar ao início Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Sun Mon Tue Wed Thu Fri Sat January February March April May June July August September October November December Jan Feb Mar Apr May Jun Jul Aug Sep Oct Nov Dec just now 1 minute ago $$1$$ minutes ago 1 hour ago $$1$$ hours ago Yesterday $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago more than 5 weeks ago